00:46

E ela estava ali, absorta em pensamentos vigorosos.
Talvez fosse o momento de atacar, afinal, o gosto de sangue em seus lábios lha causava uma sensação de satisfação.
Ela não gosta de competir, tampouco que andem à sua sombra. O fato é que quando se tem muitas idéias fervilhando e transbordando, alguns serem sebosos transfiguram-se em esponjas.
Ela está cansada de batalhas, cansada de tiroteios, cansada de malicias. Cansada.

Foi ao fundo de sua alma e buscou uma fagulha de fogo. Precisava acender o estopim da bomba. Precisava fomentar o que havia dentro dela.
Era raiva, era ausência de hipocrisia, era pena daqueles que não conseguiam andar com as próprias pernas, era a vista que não se fazia mais grossa… não mais.

Fale baixo, ela está tentando dormir.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s